Salvador, 20 de October de 2019
Acesse aqui:                
facebookorkuttwitteremail
Erro
  • Your server has Suhosin loaded. Please follow this tutorial.
Restaurante Casa de Tereza completa 7 anos com exposição, caruru e muito mais
Ajustar fonte Aumentar Smaller Font
Qua, 25 de Setembro de 2019 15:14

Altar_Cosme__Damio_e_outros_santos_-_Casa_de_TerezaEmblemático e multicultural, localizado no berço de Iemanjá, no bairro do Rio Vermelho, o restaurante Casa de Tereza, que tem à frente a chef Tereza Paim, completa sete anos de funcionamento, temperando o paladar de turistas e baianos, com o que de melhor a Bahia tem para oferecer: sua arte, sua beleza, seus saberes e sabores.

No mês em que faz aniversário, o Casa de Tereza condensa arte, cultura e gastronomia, com a mostra coletiva, Os 7 Santos de Tereza, inaugurada no dia 16 de setembro e que segue em cartaz até 17 de outubro no Salão Terreiro e Espaço Barroco, áreas destinadas a exposições e eventos no próprio restaurante. Com curadoria de Maria Luedy e produção executiva de Sandra Galleffi, a exposição reúne obras de 28 artistas exaltando os santos de devoção da chef.

As comemorações serão encerradas no dia exato em que a casa comemora sete anos, 27 de setembro, quando também se festeja o dia de São Cosme e São Damião, dos quais Tereza é devota. Nesse dia, a chef oferecerá para seus convidados o tradicional Caruru de preceito, das 18h às 20h.

Sobre o Casa de Tereza e sua chef

Fachada-Casa de Tereza_Foto-Marcello Fontes.jpg

Natural de Tanquinho, cidade do interior da Bahia, Tereza Paim trocou as áreas de Ciências da Computação e Engenharia de Qualidade para adentrar no universo gastronômico, sua grande paixão, há dezessete anos. “Foi um processo de vida essa mudança! Migrei para uma seara que tinha vontade e curiosidade e não parei mais”, diz. Antes de ancorar no Rio Vermelho, num charmoso sobrado datado de 1836, a chef comandou por 10 anos o restaurante Terreiro Bahia, na Praia do Forte, com a proposta que a guia até hoje, de oferecer o melhor da culinária baiana aos visitantes do balneário do Litoral Norte.

Casa-de-Tereza_ENSOPADO-DE-CARNEIRO_01_Cre?dito-Leonardo-Freire.jpg

Ao longo dos sete anos do Casa de Tereza, o prato mais vendido tem sido a Moqueca Ana Bueno, mas o cardápio autoral oferece diversas e saborosas opções como as deliciosas moquecas e pratos da cozinha regional, como Maniçoba, Anduzada, Rabada, Ensopado de Carneiro e muito mais. “Cozinho com arte e a arte humaniza as relações, não consigo viver sem ela. Em tudo eu vejo arte e a culinária é pura arte”, diz a chef. Em parceria com a jornalista Sonia Robatto, Tereza fez o livro Na Mesa da Baiana, editado pelo Senac, onde aglutina uma variedade de receitas que fazem parte da sua história de vida.

Tabuleiro da Chef

packshot-novas-embalagens.jpg

O restaurante conta uma vendinha – batizada com os nomes do pai e do avô de Tereza, Samuel e Tota – onde são comercializados diversos produtos típicos baianos. Dentre os mais disputados estão as farofas artesanais – Amarelinha, Baianinha, Branquinha, Churrasquinha, Duquesa, Sertaneja e Verdinha –, blends de farinhas criados pela chef, além da linha de temperos, nos sabores Leguminho, Peixinho, Feijãozinho, Bifinho, Arrozinho, Cordeirinho e Franguinho. As farofas, temperos e ainda doces, pimentas e azeites são produzidos na fábrica Tabuleiro da Chef e vendidas em locais estratégicos, como o Aeroporto Internacional Luis Eduardo Magalhães, Perini, Almacén Pepe, Maricultura e Padaria Belo Rústico. “Nessa linha de produtos artesanais elaborados com ingredientes de agricultura familiar, sem conservantes e livres de aditivos químicos, eu coloco a minha paixão pela farinha e pela mistura de sabores, aromas e texturas”, diz.

Prêmios

O Casa de Tereza, assim como sua chef, coleciona prêmios importantes. Recentemente, o restaurante foi eleito como o melhor de 2019 do Nordeste, pela Revista Prazeres da Mesa. Também tem no currículo prêmio da Veja Comer & Beber Salvador, entre outros. “Um prêmio é uma consagração, mas permite a gente olhar o caminho trilhado e mostra sempre essa responsabilidade de seguir se superando e com foco no negócio”, avalia. Tereza Paim é uma das chefs baianas vistas fora da Bahia como profissional que conseguiu atualizar e promover a culinária local, inovou, mas com absoluto respeito às origens. E assim a chef segue seu trabalho, com respeito e compromisso com os sabores, saberes, abraçando a arte e a cultura.

Compartilhe:

 

O MELHOR DO ALDEIA NAGÔ NO SEU EMAIL

CADASTRE-SE EM NOSSO NEWSLETTER:

FOTOS DOS ÚLTIMOS EVENTOS

  • 28.09.19.064Rock Rural Janah e Raul. Casarão. 28 Set 2019
  • 06.03.19.004Patuskada para Exu Bouzanfrain. 06 Mar 2019
  • 05.03.19.254Carnaval no Pelô. Alb 2. 05 Mar 2019
  • 05.03.19.075Carnaval no Pelô. Alb 1. 05 Mar 2019
  • 04.03.19.264-1Ilê Aiyê. Campo Grande. Alb 2. 04 Mar 2019
  • 04.03.19.303Ilê Aiyê. Campo Grande. Alb 1. 04 Mar 2019

Parabéns Aniversariantes do Dia

loader
publicidade

ENSAIOS FOTOGRÁFICOS

GALERIAS DE ARTE

HUMOR

  • Aves de Rapina_1
  • Categoria: Humor
Mais charges...

ENQUETE 1

Qual é o melhor dia para sair a noite?