Salvador, 26 de September de 2018
Acesse aqui:                
facebookorkuttwitteremail
Policlínica Regional é inaugurada em Irecê
Ajustar fonte Aumentar Smaller Font
Sáb, 09 de Dezembro de 2017 02:21

Governo_Inaugura_Policlina_em_IrecejpgO município de Irecê recebeu, nesta sexta-feira (8), a terceira Policlínica Regional de Saúde do Governo do Estado. A unidade, inaugurada pelo governador Rui Costa, irá atender aos 21 municípios que integram o Consórcio Público Interfederativo de Saúde da Região de Irecê. Nas primeiras horas da manhã, Rui participou de uma visita guiada às instalações da policlínica, localizada à Rua São Francisco (antigo Instituto Baiano de Fomento Agrícola (IBF).

A Policlínica Regional de Irecê recebeu investimentos da ordem de R$ 25 milhões, que foram empregados na construção civil e em equipamentos de última geração. A unidade vai atender à população dos municípios América Dourada, Barra do Mendes, Barro Alto, Cafarnaum, Canarana, Central, Gentio do Ouro, Ibipeba, Ibititá, Irecê, Itaguaçú da Bahia, João Dourado, Jussara, Lapão, Mulungu do Morro, Presidente Dutra, São Gabriel, Uibaí, Morro do Chapéu, Souto Soares e Tapiramutá. Em breve, os municípios de Ipupiara, Barra e Xique-xique também farão parte do consórcio.Treze micro-ônibus adquiridos pelo Governo do Estado serão utilizados para levar pacientes dos municípios consorciados à policlínica, que promove a regionalização da prestação de serviço de alta qualidade em saúde, à medida que garante a cobertura de todos os exames gratuitos solicitados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no interior.

“Esta policlínica, que tem quase 3 mil metros quadrados construídos, vai realizar os exames que as pessoas precisam, as consultas com médicos especializados, porque antes a pessoa ia no posto de saúde e, no atendimento, era orientada a procurar um especialista, e o prefeito tinha o esforço de mandar essa pessoa para se consultar com um especialista na capital. O cidadão tinha que sofrer percorrendo muitos quilômetros pra conseguir um atendimento ou deixavam de realizar exames e com isso os problemas de saúde se agravavam. A policlínica regional vai atender a essas demandas da saúde da população”, afirmou o governador.

Assim como já acontece nas policlínicas de Teixeira de Freitas e Guanambi, em Irecê, o atendimento será realizado a partir de agendamento por regulação para consultas médicas, exames diagnósticos e tratamentos terapêuticos. Os atendimentos começam já na próxima segunda-feira (11). “Eu tenho certeza que, a partir de agora, a saúde de nossa região vai passar por uma revolução. Aqui, nessa unidade, as pessoas vão poder fazer com celeridade consultas e exames que no serviço público convencional poderiam levar muito mais tempo”, afirmou o presidente do consórcio e prefeito de Lapão, Ricardo Rodrigues.

Consórcios

As policlínicas fazem parte dos Consórcios Públicos de Saúde, iniciativa do Governo do Estado para regionalizar a prestação de serviço de alta qualidade em saúde para a população do interior baiano, evitando, com isso, que os pacientes se desloquem para os grandes centros em busca desses serviços. As obras e os equipamentos foram custeados com recursos financeiros do Governo do Estado, enquanto a manutenção mensal será dividida da seguinte forma: 40% para o Estado e os 60% restantes divididos entre os municípios consorciados.

"A policlínica vai atender uma população que não tinha acesso a exames complementares e a consultas médicas especializadas. Esse é um sistema consorciado entre o Estado e os municípios, em que todos os municípios concordaram em ratear as despesas proporcionalmente e, assim, eles terão menos despesas do que se comprassem diretamente do mercado privado”, conta o secretário da saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas.

As novas unidades de saúde oferecem consultas em até 18 especialidades diferentes para cerca de 2 milhões de baianos, além de exames como ressonância magnética, tomografia computadorizada, ultrassonografia, ecocardiografia, eletroencefalograma, endoscopia e colonoscopia.

Como ser atendido

As policlínicas não atendem urgências e emergências ou outros tipos de demanda espontânea. O atendimento é feito através de um agendamento pelas Secretarias da Saúde dos municípios que fazem parte do Consórcio que administra a unidade.

Primeiro o paciente passa por uma consulta em uma Unidade Básica de Saúde (UBS) no seu município ou procura a Secretaria Municipal de Saúde. Os médicos identificam a necessidade de o paciente realizar uma consulta com especialista, realizar exames ou procedimentos de média complexidade, como biópsia e pequenas cirurgias. A partir disso, a secretaria de saúde do município agenda o atendimento do paciente na Policlínica Regional de Saúde. Caso a policlínica não esteja localizada no município em que o paciente reside, ele será encaminhado até o município vizinho em um dos micro-ônibus especiais que farão o deslocamento dos pacientes dos municípios consorciados. Todo paciente encaminhado para as policlínicas deverá permanecer em acompanhamento com a Equipe de Atenção Básica de seu município.

Compartilhe:

 

O MELHOR DO ALDEIA NAGÔ NO SEU EMAIL

CADASTRE-SE EM NOSSO NEWSLETTER:

FOTOS DOS ÚLTIMOS EVENTOS

  • 18.0.2018.022Discotecagem Dj Gug. Lebowski. 18 Ago 2018
  • 18.8.18.004Despedida de Zimba Selector. Red. 18 Ago 2018
  • 18.08.18.013Salsa Bahia. Boteco 68. 18 Agosto 2018
  • 10.08.2018.116Grupo Botequim. Patio Igreja. 10 Ago 2018
  • 10.08.18.087Maracatu Ventos de Ouro. Casa Preta. 10 Ago 2018
  • 10.8.18.009Bruna Barreto e Conv.. Lebowsky. 10 Ago 2018

Parabéns Aniversariantes do Dia

loader
publicidade

GALERIAS DE ARTE

Mais galerias de arte...

HUMOR

  • Aves de Rapina_1
  • Categoria: Humor
Mais charges...

ENQUETE 1

Qual é o melhor dia para sair a noite?