Salvador, 19 de July de 2018
Acesse aqui:                
facebookorkuttwitteremail
Domingueiras LXX. Por Seergio Guerra
Ajustar fonte Aumentar Smaller Font
Seg, 16 de Abril de 2018 12:05

Sergio_Guerra2O Brasil é um país de golpes, que já vem preparado “mesmo antes de eu nascer...”, como já bem disse o poeta Cazuza, para tanto basta lembrar que com menos de 30 anos de democracia já houve o movimento chamado de “Cansei!”, dos insatisfeitos com o elevado número de novos consumidores que passaram a frequentar os shoppings e aeroportos brasileiros, locais até então privativo dos senhores da “casa-grande” e onde os da “senzala” eram proibidos de frequentar.

Deste modo, não causa estranheza que haja sucessões de golpes, mesmo quando assumem a máscara de “parlamentar, judicial e midiático”, como o recém acontecido de 2016, ano em que, sincronicamente o Supremo Tribunal Federal, o STF, passou, por maioria de apenas um voto, a adotar a tese de que a “presunção de  inocência” cessa após o julgamento em um Tribunal Regional e portanto o “transitado em julgado”, constitucional, desaparece ainda que caiba recursos aos tribunais superiores. Moral da história: Lula está preso em Curitiba, por um pretenso crime cometido em São Paulo, outra região judicial, e ponto final.

Entrementes, mais preocupante ainda é a onipresença das Forças Armadas, que são chamadas para combater a dengue, administrar as escolas públicas, agilizar a transposição do Rio São Francisco e até para garantir a Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro, como se elas fossem capacitadas para cumprir bem as suas funções constitucionais de garantir as nossas fronteiras contra o contrabando de armas e das drogas que usam o Brasil como um dos grandes escoadores mundiais. Como se não bastasse esta prova de incapacidade crônica e genérica, o golpista Temer, acuado pelos inquéritos de corrupção, nomeia, pela primeira vez, na recente história do Brasil democrático, para Ministro da Defesa, um militar.

Ao mesmo tempo, o comandante geral do Exército, acolitado por outros regionais, se dão ao desfrute de fazer pronunciamentos sobre os julgamentos em andamentos nas cortes superiores, especialmente no caso Lula, o que fere o Regimento Disciplinar do Exército, ameaçando “manter a constituição e a ordem”, o que basta lembrar o fatídico ano de 1964, para sabermos o que isto significa: ditadura e militar. E o que fazem as autoridades superiores, inclusive o presidente da República, não por caso comandante supremo das forças armadas: nada e ainda defende o “direito de livre expressão”!

Por outro lado, preocupa sobremaneira, a escalada de violência, materializada na morte, da vereadora Mariela e seu motorista Anderson, que já completou 30 dias, sem grandes resultados nas apurações. Além dos tiros na caravana de Lula, aliás no que deu os vazamentos dos áudios no helicóptero que o levava e na torre de comando, insinuando ora “jogar este lixo pela janela” ou o “avião que sobe e não desce”? No primeiro caso, o delegado que anunciou que era “tentativa de homicídio” foi retirado do caso e chamado pelo governador do Paraná, seu superior, de “esquerdopata”, enquanto o de São Paulo afirmava que “o PT estava colhendo o que plantou”, como se este partido estivesse atirando nas caravanas alheias.

Enquanto isto, o “Bolsomico”. é “mico” mesmo de “macaquinho”, e seus apoiadores, continua pregando preconceitos e violências contra tudo e contra todas, sem que sequer a “comissão de ética” da Câmara de Deputados tome alguma posição, pois não é capaz de julgar deputados presos que continuam cm suas mordomias e regalias. Inclusive salários e apartamento funcional, aliás Maluf ainda continua sendo um dos retratos mais fidedignos da justiça e parlamento brasileiro, com seus achaques e crises que já passaram a ser rotinas para os “convidados” a prestar esclarecimentos a justiça, vide o coronel Lima, laranja do golpista presidente.

Por fim, vale afirmar que o presidente Lula está sob a tutela do Estado Brasileiro e sua integridade física e mental é de inteira responsabilidade das autoridades ditas e tidas como responsáveis, e é bom avisar que qualquer “acidente”, que por acaso venha a acontecer é desde já considerado um premeditado e anunciado “ASSASSINATO”.   E estamos conversados!

15042018.

Sérgio Guerra.


Licenciado, Mestre e Doutor em História
Professor Adjunto da UNEB,.DCH1 Salvador.
Conselheiro Estadual de Educação - BA.
Colunista Político Semanal do Portal Mais Bahia.
Presidente do Instituto Ze Olivio  IZO
Cronista do site "Memorias do Bar Quintal do Raso da Catarina".

Compartilhe:

 

O MELHOR DO ALDEIA NAGÔ NO SEU EMAIL

CADASTRE-SE EM NOSSO NEWSLETTER:

FOTOS DOS ÚLTIMOS EVENTOS

  • 10.06.18.010Ooni de Ifé no Ilê Aiyê. Por Edgar Souza. 10 Jun 2018
  • 19.05.18.046Elas Cantam Bob. Pedro Arcanjo. 19 Maio 2018
  • 19.5.18.019Serafim e Filhos de Zé. Lebowisky. 19 Maio 2018
  • 17.05.18.015Banda Bahianomundo. Lebowski. 17 Maio 2018
  • 15.5.18.060Sarau da Casa da Mãe. 16 de Maio 2018
  • 15.05.18.067Edson Gomes. Lg Quincas Berro D'Água. 15 Mai 2018

Parabéns Aniversariantes do Dia

loader
publicidade

ENSAIOS FOTOGRÁFICOS

GALERIAS DE ARTE

ENQUETE 1

Qual é o melhor dia para sair a noite?