Salvador, 24 de May de 2018
Acesse aqui:                
facebookorkuttwitteremail
Alvorada leva Arlindinho Neto e Tieê para o Carnaval 2018
Ajustar fonte Aumentar Smaller Font
Qui, 08 de Fevereiro de 2018 01:33

Ala_de_canto_AlvoradaCumprindo o compromisso de abordar assuntos relacionados à herança da cultura negra, a Associação Protetora dos Desvalidos (APD) – primeira organização civil negra no Brasil e fundada há 185 anos – foi a escolhida para nortear as ações do mais antigo bloco de samba, o Alvorada. O desfile acontece na Sexta-feira de Carnaval no circuito Osmar (Centro), às 22h. Para embalar os foliões do bloco, além da ala de canto, o bloco traz como convidados Arlindinho Neto–  filho de Arlindo Cruz– e a promessa do samba Diógines Tieê.

Arlindinho vai levar para as ruas o repertório do show tem que continuar, show em alusão ao momento delicado que o artista vive por conta da enfermidade que seu pai, sambista Arlindo Cruz. Já Tiee vem se destacando no cenário atual do samba e é responsável por sucessos como “Som do Tambor”  gravado por Ferrugem, “Lei da Vida” por Grupo Pixote, “Cancun”  e “Fotos Antigas” do cantor Thiaguinho, “Voyeur” (Belo), entre outros. Com uma mistura de ousadia e romantismo, vem ganhando elogios de nomes como Martinho da Vila e Xande de Pilares.

Na ala de canto, já estão confirmados Valdélio França, Bira (Negros de Fé), Tiago (Relicário Samba Meu), Marco Poca Olho (Samba Tororó), Arnaldo Rafael (Samba de Cozinha), Romilson (Partido Popular), Gal do Beco, Roberto Mendes e Aloísio Menezes conduzidos pelo grupo Bambeia.

Formalizada em 1832, a APD – Sociedade de Previdência, Assistência Social, Pecúlio e Fomento Econômico e Social – ganha a primeira homenagem no Carnaval de Salvador e é uma das instituições negras que funcionaram durante a escravidão e nasceu por iniciativa de Manoel Victor Serra– um africano livre– com o propósito de comprar alforria e custear a capacitação profissional de ex-escravos, para casos de invalidez, além de oferecer amparo à família dos que morriam.

"A homenagem nos deixa felizes, pois sabemos que o Alvorada tem compromisso com o resgate dessas questões. Vamos fazer com que este seja um carnaval único e de homenagem aos homens negros que criaram essa instituição", disse a presidente da SPD, Lígia Margarida Gomes. Em uma ala, além das tradicionais baianas e os passistas do Alvorada, irão desfilar 20 integrantes da SPD. Totens com fotos irão destacar os fundadores da entidade como Manuel Quirino, as cartas de alforrias e outros símbolos importantes para a SPD que serão, também, exibidos no LED do trio.

Ações

Atualmente com ações de desenvolvimento e valorização da cultura afro-brasileira, além de atividades de fomento do empoderamento, a SPD atua na promoção de igualdade e combate ao racismo e de políticas públicas voltadas para direitos da população negra. Sob o slogan “A nova alforria é a cultura”, desenvolve projetos de apoios nas áreas social e cultural, por meio do Centro Cultural Manuel Raimundo Querino.

“É difícil pensar em todas as mobilizações e entidades que surgiram por conta da existência e princípio solidário da SPD. E dentro do que nós acreditamos, evidenciar a trajetória da SPD e mostrar sua importância é uma honra para o Alvorada que– nesses 43 anos de existência– tem o propósito e levar para o espaço da festa, assuntos que evidenciam pilares da cultura negra e valores essenciais de combate a qualquer tipo de violência ou desigualdade”, contou o presidente Vadinho França.

Histórico

?Criado em 1975, por jovens estudantes do Colégio Severino Vieira, o bloco é um dos patrimônios culturais da Bahia e o mais antigo bloco de samba a desfilar no carnaval da cidade. Como o primeiro bloco dedicado exclusivamente ao samba, desde 1975 tem contribuído para a permanência do ritmo na programação do carnaval, além de estimular o surgimento de outras agremiações e priorizar os artistas da terra.

Alguns dos fundadores são filhos de Valdomiro  França, que liderou o Vai Levando, que chegou a reunir quase 5 mil homens nas décadas de 1950 e 1960. Entre os filhos do famoso França está Valter Aragão França, o Mestre Prego, falecido em 2010 e um dos responsáveis pela percussão do Alvorada, ao lado de Mestre Jacob e o Mestre Neguinho do Samba, que anos depois criaria o ritmo samba reggae, fundamental para a música contemporânea da Bahia. Em paralelo ao trabalho no período festivo, o Alvorada desenvolve ações sociais no bairro do Gravatá, onde está sua sede como capacitação de jovens, em parceria com os poderes municipal e estadual.

SERVIÇO

O que: Desfile do bloco Alvorada

Quando: 9 de fevereiro, Sexta-feira de Carnaval, 22h

Onde: Circuito Osmar

Atrações: ala de canto com Valdélio França, Bira (Negros de Fé), Tiago (Relicário Samba Meu), Marco Poca Olho (Samba Tororó), Arnaldo Rafael (Samba de Cozinha), Romilson (Partido Popular) conduzidos pelo grupo Bambeia, Gal do Beco, Roberto Mendes e Aloísio Menezes. Participações de Arlindinho Neto e Diógenes Tieê.

Compartilhe:

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

O MELHOR DO ALDEIA NAGÔ NO SEU EMAIL

CADASTRE-SE EM NOSSO NEWSLETTER:

FOTOS DOS ÚLTIMOS EVENTOS

  • 19.05.18.066Elas Cantam Bob Marley. Pedro Arcanjo. 19 Maio 2018
  • 19.5.18.069Serafim e Filhos de Zé. Lebowisky. 19 Maio 2018
  • 17.05.18.039Banda Bahianomundo. Lebowski. 17 Maio 2018
  • 15.5.18.111Sarau da Casa da Mãe. 16 de Maio 2018
  • 15.05.18.074Edson Gomes. Lg Quincas Berro D'Água. 15 Mai 2018
  • 01.05.18.087Sarau da Casa da Mãe. 01 de Maio 2018

Parabéns Aniversariantes do Dia

loader
publicidade

GALERIAS DE ARTE

Mais galerias de arte...

HUMOR

  • Abertura das Olimpiadas_1
  • Categoria: Humor
Mais charges...

ENQUETE 1

Qual é o melhor dia para sair a noite?