Salvador, 24 de January de 2020
Acesse aqui:                
facebookorkuttwitteremail
Erro
  • Your server has Suhosin loaded. Please follow this tutorial.
Democracia em Vertigem é um filme sobre golpistas. Por isso incomodou tanto. Por Moisés Mendes
Ajustar fonte Aumentar Smaller Font
Cidadania
Ter, 14 de Janeiro de 2020 04:20

Moises_MendesA direita acusou o golpe com a indicação de Democracia em Vertigem para concorrer ao Oscar. Não é um documentário dos grandes, sob o ponto de vista de quem entende ou pensa que entende de cinema.

Mas é um filme com uma pegada política que surpreende o reacionarismo brasileiro, tão dono de si desde o golpe contra Dilma. É um filme para incomodar a direita, mais do que para agradar a esquerda. É um documentário contra os golpistas.

Por isso a direita se impressionou tanto. A direita que virou extrema direita é muito impressionável. Eles achavam que Hollywood não seria capaz de acolher um filme com essa coragem. Pois acolheu e irá expor para o mundo a cara repulsiva do golpe.

Democracia em Vertigem é uma bofetada (sim, às vezes tem que ser como uma bofetada) na cara de falcatruas como aqueles que fizeram o filme sobre Sergio Moro e aquele documentário sobre os mecanismos do lavajatismo. Confessem que vocês achavam que aquilo ganharia algum prêmio.

A direita que chora vendo o filme dos papas, que revela um papa e esconde o outro, chocou-se com a notícia do documentário no Oscar porque achava que o cinema seria incapaz de se mostrar como arte de resistência depois de agosto de 2016.

Democracia em Vertigem é um documento maravilhosamente panfletário, como deve ser um filme decidido a brigar pelas liberdades.

A direita está esbaforida, quando deveria tentar ser mais contida e se comportar numa hora dessas. Quanto mais a direita acusa o golpe e diz odiar o filme, mais o documentário cumpre sua missão, a de incomodar os canalhas e tirá-los do aparente conforto sob a asa azeda do bolsonarismo.

Peçam que José Padilha faça um filme de Oscar para vocês. Mas antes chorem, canalhas. Chorem muito.

Democracia em Vertigem não vai ganhar o Oscar, porque até isso, em apenas um dia de festa, deixou de ser importante.

O verdadeiro Oscar é o tormento dos golpistas e dos bolsonaristas disfarçados. O efeito devastador da indicação é o que basta.

Chorem, seus ex-tucanos transformados em bolsonaristas fofos simpatizantes de chefes de milicianos. Despedacem-se. Joguem-se do Viaduto da Borges. Rasguem-se, pilantras sem escrúpulos.

Sejam ridículos. Façam um documentário sobre essa dor. Mais da metade do Brasil está se divertindo com o sofrimento de vocês.

Artigo publicado originalmente em  https://www.diariodocentrodomundo.com.br/democracia-em-vertigem-e-um-filme-sobre-golpistas-por-isso-incomodou-tanto-por-moises-mendes/

Compartilhe:

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

O MELHOR DO ALDEIA NAGÔ NO SEU EMAIL

CADASTRE-SE EM NOSSO NEWSLETTER:

FOTOS DOS ÚLTIMOS EVENTOS

  • 30.11.19.0525ª Marcha do Emp Crespo 30 Nov por Alberto Lima
  • 01.12.19.033Caminhada Samba. 01.Dez. Por Edgar de Souza
  • 10.11.19.041Festival Radioca.10 Nov, Por Rafael Passos
  • 28.09.19.011Rock Rural Janah e Raul. Casarão. 28 Set 2019
  • 06.03.19.115Patuskada para Exu Bouzanfrain. 06 Mar 2019
  • 05.03.19.155Carnaval no Pelô. Alb 2. 05 Mar 2019

Parabéns Aniversariantes do Dia

loader
publicidade

ENSAIOS FOTOGRÁFICOS

GALERIAS DE ARTE

Mais galerias de arte...

HUMOR

  • A Justiça brasileira_1
  • Categoria: Humor
Mais charges...

ENQUETE 1

Qual é o melhor dia para sair a noite?